Arquivo de etiquetas: Revista Malu

A DOR COMO AMIGA – Dr. Robert Rey

 

101011_alegria-no-sofrimento

(Por Eliana Barbosa*)

 

Olá, olá! Como vai você?

Espero que, mesmo diante das naturais adversidades do dia-a-dia,  você esteja – cada vez mais –  trabalhando o seu interior, aprimorando seus sonhos e acreditando na vida!!!

Hoje, eu trouxe pra você a recomendação de um livro que acabei de ler,  que poderá fazer uma grande diferença em sua existência!

Gostei tanto do conteúdo, que terminei a leitura dele com pesar…

Veja este trecho que escolhi para compartilhar com você:

“Muitos me perguntam qual é o segredo do meu sucesso, e eu costumo dizer que, na verdade, foi a dor que criou um homem com tanto êxito. A vida difícil que tive na infância e as dificuldades que eu enfrentei desde quando cheguei aos Estados Unidos, até conseguir conquistar o sucesso, foram um “motor” para o meu desejo de vencer.

A dor nunca foi minha inimiga, ela acabou se mostrando uma das maiores fontes de energia para que eu lutasse por tudo o que eu sentia que precisava conquistar. De certa forma, a dor foi a minha amiga mais fiel, que me acompanhou grande parte da minha vida e me ajudou a superar todos os obstáculos.

Eu gostaria muito que você que está lendo este livro percebesse que, se o Rey conseguiu, mesmo passando por tantos problemas, você também pode e vai conseguir! Só não desista. Planeje todo o seu caminho e aguente firme todas as “pancadas” que a vida lhe der e a dor que sentir. Como faixa preta de Taekwondo, eu posso dizer com tranquilidade que, para vencer qualquer luta, não basta saber bater. Os maiores vencedores são aqueles que sabem apanhar e continuam lutando.

Não existe caminho fácil para aqueles que saem em desvantagem, como foi o meu caso. Para mim, olhando para trás, vejo que a síntese da minha vida se resume a aceitar que a dor acabou sendo a minha melhor amiga – sem ela eu nunca teria chegado aonde cheguei.”  

O livro é “Dr. REY – O BRASILEIRO QUE SE TORNOU O Dr. HOLLYWOOD”, escrito pelo próprio Dr. Robert Rey.

Lendo o livro do Dr. Robert Rey 2 - Dez de 2015

Eis aqui uma breve descrição do livro:

“Nascido em uma família desajustada, no bairro da Lapa, em São Paulo, Dr. Robert Rey teve que lutar com todas as suas forças para vencer. Foi morar com uma família cristã nos Estados Unidos, quando tinha apenas 12 anos, sofreu preconceito e, mesmo desacreditado por todos, conseguiu se formar na Universidade de Harvard, se tornar o cirurgião plástico mais famoso do mundo.

Cursou Ciências Políticas, no mesmo curso em Harvard, que foi frequentado pelos presidentes Kennedy, Clinton e Obama, entre outros líderes mundiais. Grande empreendedor, Dr. Rey criou mais de 20 linhas de produtos comercializados em mais de 120 países. Suas clínicas de estética se espalharam pelas Américas, inclusive pelo Brasil.

Sua vida é uma impressionante história de superação. A história de um garoto, cuja vida tinha tudo para dar errado e acabou se tornando uma celebridade internacional, com uma fortuna de milhões de dólares. Uma história de sucesso, do rapaz que foi o último a aprender a ler na sua classe, e acabou se formando em Harvard.

A mídia ama o “Dr. Hollywood”, que se tornou uma das pessoas mais visíveis na TV brasileira e mundial nos últimos 10 anos. Tanto sucesso fez com que o Dr. Rey se tornasse um dos médicos mais ricos do mundo, morasse em uma mansão em Beverly Hills, na Califórnia, tendo uma vida digna dos mais impressionantes filmes de Hollywood.

No livro, o “Dr. Hollywood” conta detalhes terríveis de sua vida pessoal e revela os segredos de como, saindo praticamente do nada, se tornou o mais famoso cirurgião plástico do mundo, homem de mídia conhecido em todo o planeta e um empresário de sucesso que com apenas a linha de produtos “Dr. Rey Shapeware”, faturou 100 milhões de dólares! Uma impressionante história de empreendedorismo.

Os fãs e leitores descobrirão os segredos da vida pessoal, profissional e os planos para o futuro do Dr. Robert Rey, o brasileiro que se tornou o Dr. Hollywood!”

========

Eu acredito que você vai gostar também dessa fantástica história de quem decidiu sair da posição de vítima e se tornar o protagonista, o herói da sua própria vida!!!
Recomendo demais!!!

COM DR. ROBERT REY E ESPOSA HAYLEY REY

Em 15 de Julho de 2012, tive a  oportunidade de entrevistar o Dr. Robert Rey (na foto com sua esposa Hayley Rey),   no evento “Los Angeles Brazilian Film Festival – LABRFF”, em seu quinto ano,  com mostras de filmes, documentários e curtas no Academy’s Linwood Dunn Theater, em Hollywood – CA – Estados Unidos. Gravei a entrevista para o meu programa ELIANA BARBOSA E VOCÊ, na TV MUNDI e para a Revista MALU (onde assino a coluna Papo Cabeça).

                  

(*)Psicoterapeuta, life coach, palestrante, apresentadora de TV e rádio e autora de livros no campo do autodesenvolvimento. Contato: eliana@elianabarbosa.com.br 

PRECISANDO DE UM DETOX MENTAL?

1-liberdade-passaros

(Autoria de Eliana Barbosa)*

Sabendo que pensamentos, sentimentos e emoções interferem em nossa saúde física, que tal fazermos uma autoanálise e nos livrarmos das “toxinas internas” que geram doenças e infelicidade?

Vou mostrar, aqui, 7 passos para um “detox mental” – uma verdadeira faxina em seus pensamentos e emoções, que vai lhe garantir bom humor, saúde e qualidade de vida:

  • Abaixo aos pensamentos negativos – Aprenda a bloquear cada ideia pessimista, triste e de preocupação. Substitua, no mesmo instante, por uma visualização positiva e alegre, envolvendo aquilo que você pensou. Ex.: Se estiver apreensiva com a febre de seu bebê, pense nele alegre e saudável.
  • Não acredite em pessoas críticas, que destroem sua autoestima, tentando apagar o brilho dos seus olhos e tirar o sorriso de seus lábios. Se tiver que conviver com elas, então aprenda a se proteger para que o veneno delas não o afete.
  • Combata o medo do futuro, que o deixa ansioso, perturba seu sono e traz insegurança e aflição para seus dias. Medo é falta de fé, portanto, fortaleça seus elos com Deus e confie!
  • Nada de ficar dramatizando sua vida, sentindo-se uma vítima, um “coitadinho”. Admita seus problemas, e, sem lamúrias, assuma o papel de senhor de seu destino, autor de sua história. Tenha sempre em mente um “plano B”, e não perca o foco daquilo que quer conquistar.
  • Decida se livrar do ácido ressentimento, que corrói a sua alma. Abandone a ideia de que o passado poderia ter sido diferente e siga em frente, sem mágoas e culpas.
    Não existe desintoxicação melhor do que o perdão!
  • Pare de sofrer com a ingratidão dos outros. Faça o bem pelo prazer de ser generoso, mas não se iluda esperando reconhecimento.
  • E, daqui para frente, aprimore seu autoamor, para não precisar mendigar carinho e atenção dos outros. Quando sua autoestima estiver bem, você se tornará um imã para relacionamentos felizes.

Pense nisso com carinho e permita-se viver melhor!!!

(*Psicoterapeuta, coach de relacionamentos, escritora e palestrante no campo do autodesenvolvimento, e apresentadora em TV e rádio) 

 

Aproveito para convidar VOCÊ para o Curso CURA DOS SENTIMENTOS, onde você vai aprender a dominar sua mente, seus pensamentos e sentimentos para conquistar mais saúde física, mental, emocional, relacional e financeira.

 

ANÚNCIO PARA TURMA 2 UBERABA
Acesse: www.curadossentimentos.com.br/curso e venha participar desta imersão de  8 horas de duração,  em um trabalho de pura inspiração e transformação rápida e duradoura! Nova turma na cidade de Uberaba – MG, em 05 de dezembro!!!

5 SINAIS DE QUE VOCÊ ANDA ESTRESSADA

 

Mujer intentando dormir

(Autoria de Eliana Barbosa)

 

Vida corrida, casa, marido, filhos, carreira… Eu sei como é lidar com tantas responsabilidades e precisar estar sempre bem, arrumada, cheirosa e disposta para realizar tudo.

Pois é… Mas tem sido muito alto o preço que pagamos por nos permitir ultrapassar todos os nossos limites físicos e emocionais, nessa eterna autocobrança que fazemos de sermos perfeitas e invencíveis. Não somos!!!

Então, veja aqui 5 sinais de que você anda estressada e de que está na hora de dar um basta a esse estilo de vida, respirar fundo e lembrar que se você não estiver bem e equilibrada, bem nenhum fará àqueles que convivem com você:

  1. Agitação e insônia – Quando você vai se deitar, não relaxa nem consegue interromper pensamentos preocupados que vão e vem… Minha dica: procure ouvir um relaxamento antes de dormir. No Youtube há centenas de opções de áudios e você poderá escolher um diferente a cada noite, até descobrir o que é melhor pra você.  E não se preocupe se dormir no meio do relaxamento.
  2. Mania de reclamar – Quanto mais você reclama, mais difícil a vida lhe parece. Então, toda vez que pensar em uma reclamação, troque por um pensamento de gratidão.
  3. Doenças que aparecem do “nada” – Quando você está estressada, sua imunidade cai e, por isso, você fica mais vulnerável às doenças, sem falar naquela dor de cabeça chata que nada resolve. O relaxamento que você fará todas as noites vai fortalecer suas emoções e, assim, te ajudar a criar resistência aos vírus e bactérias. E, mais serena, sua cabeça vai parar de sofrer com as naturais pressões da vida.
  4. Emotividade exagerada – fazer “tempestade em copo d’água” é comum quando estamos cansadas. Tome consciência disso e, mesmo que chore um pouco, nada de ficar comentando suas dores pra todo mundo.
  5. Perda de memória – O estresse também leva ao esgotamento do cérebro e, assim, pode acontecer de você ter um “branco” e se esquecer de algo importante. Nessa hora, respire fundo, e faça o seguinte exercício: junte as laterais externas de cada mão e bata uma na outra por uns 20 segundos. Essa prática, 4 vezes ao dia, vai lhe garantir equilíbrio, sensatez nas decisões, clareza de pensamento, boa memória e serenidade.

Combinado???

Pense nisso com carinho e até sempre!!!

(*Coach de relacionamentos, psicoterapeuta, escritora e palestrante no campo do autodesenvolvimento, e apresentadora em TV e rádio) 

 

E-BOOK GRATUITO – CLIQUE PARA GANHAR! 

EBOOK COMO COMBATER O ESTRESSE E A ANSIEDADE

 

 

 

PERDÃO – O ALICERCE DO SUCESSO

perdão

(Autoria de Eliana Barbosa)

A cada dia que passa, mais compreendo o quanto o perdão é um sentimento libertador.

Todos nós vivemos em busca do sucesso, seja em que área for, e até já sabemos que um dos ingredientes principais para uma vida bem sucedida é a autoestima. Porém, poucas pessoas atentam para a  importância do perdão e também do autoperdão na conquista da vitória, quer pessoal, quer profissional.

A capacidade de perdoar deve ser encarada não só como uma prova de fé e amor, mas, também, como uma prova de inteligência, porque o perdão é capaz de aliviá-lo do peso insuportável do ódio, que não permite que você cresça e prospere na vida.

Eu penso que todos os atendimentos psicoterápicos deveriam ter como base o perdão, porque as neuroses, as doenças, a depressão, os suicídios e todas as misérias materiais ou morais estão intimamente ligados ao ódio que ainda habita o coração da Humanidade.

Sentir ódio é delegar poder àquele que você odeia. O outro passa a mandar na sua vida, ganha a força de manipular os seus passos, porque você fica preso às lembranças desagradáveis do passado e a energia negativa e pesada do rancor não permite que você consiga planejar e realizar os seus sonhos.

Você se torna um escravo do ódio e, pior ainda quando passa a alimentar desejos de vingança. É impossível ao Universo apoiar quem nutre dentro de si pensamentos negros de revolta e revanche.

 Analisando a palavra “mágoa”, percebemos que ela nada mais é do que a palavra “ódio” debaixo de uma maquiagem sutil. E só sentimos ódio de quem, um dia, amamos muito e nos decepcionou, em algum momento.

 Diante disso, procure praticar o autoconhecimento para pesquisar dentro de si este sentimento tão destrutivo – o ódio -,  sem medo de encontrá-lo, muitas vezes, direcionado aos seus pais ou àqueles ligados à sua criação. É preciso encarar com realismo que são as pessoas mais próximas a nós que podem nos causar mais danos, porque nelas depositamos a nossa confiança plena e, muitas vezes, não somos correspondidos.

Então, depois de encarar os seus ódios, com coragem, e entender que as doenças e até as dificuldades financeiras são produto da falta de perdão, o próximo e principal passo é começar a perdoar, praticando exercícios simples que, porém, necessitam da sua persistência, porque “feridas abertas” costumam sangrar, de vez em quando.

Eu vou ensinar, aqui, uma técnica que aprendi, alguns anos atrás, que ensino em meus atendimentos, e é fantástica e transformadora: Durante 21 dias (sem interrupção), escreva em um papel 30 vezes, a cada dia, buscando penetrar em um positivo estado emocional, a seguinte declaração: “Eu declaro que me perdôo e perdôo …(coloque aqui o nome de quem você tem ressentimentos)”.

No começo, você pode sentir dificuldades até de escrever o nome da outra pessoa, tamanho é o poder que ela exerce sobre você, mas com o passar dos dias, você irá se sentir mais confiante e começará a perceber que novas oportunidades surgirão em sua vida, novas amizades construtivas e uma alegria que há muito não sentia. É a prova da libertação que está começando a envolver a sua vida, o seu trabalho e os seus caminhos.

E, a partir daí, com a firme intenção de fortalecer o sentimento de perdão, aprimore o seu gosto pelas leituras positivas, porque um bom livro é uma arma abençoada que você pode usar para enfrentar seus medos, rancores, culpas, enfim, para superar os desafios do mundo e vencer!

Obs. 1: Se você, no processo de 21 dias pular algum dia, se esquecer, por exemplo, você deve iniciar a terapia do perdão desde o primeiro dia, de novo.

Obs. 2: Ao terminar os 21 dias, você vai ler pela última vez as suas declarações, vai respirar fundo e rasgar todos os papeis escritos, queimá-los e jogar as cinzas… Sabe onde??? No vaso sanitário, lugar perfeito para você eliminar, de uma vez por todas, esse lixo emocional que vem há tanto tempo intoxicando sua vida!

Abraços e felicidades,

Eliana

(Psicoterapeuta, coach de relacionamentos, escritora e palestrante no campo do autodesenvolvimento, e apresentadora em TV e rádio) 

CARTAZ CAPTURA