Arquivo de etiquetas: relacionamentos

SETE DIAS PARA MELHORAR SEUS RELACIONAMENTOS

(Autoria de Eliana Barbosa*)

Se você convive com pessoas complicadas, consigo imaginar o seu desgaste emocional no dia-a-dia. Você sabia que, segundo estudos, 60% dos assassinatos na cidade de São Paulo, no Brasil, têm como causa discussões por motivos banais, no trânsito, entre vizinhos, ou mesmo em casa?

Então, hoje, eu vou lhe ensinar como, em uma semana, aprimorar sua capacidade de se relacionar, contornando os obstáculos da convivência. Vamos lá:

SEGUNDA-FEIRA: Quando essa pessoa problemática se aproximar, ao invés de você se sentir incomodado, procure emanar vibrações positivas para ela, repetindo, mentalmente: “Ela é maravilhosa!” Mesmo que não seja verdade ainda, entenda que  pensamento é pura energia, e o que vai sempre volta…

TERÇA-FEIRA: Procure um motivo real para elogiá-la, e, se possível, faça o elogio em público, para que ela se sinta mais valorizada.

QUARTA-FEIRA: Você vai, secretamente, em um papel, fazer uma lista de todos os desaforos que já ouviu dessa pessoa que o irrita, como se estivesse fazendo uma faxina em suas emoções. Depois, leia cada tópico e despeça-se desse lixo, colocando fogo neste papel. O que ela pensou ou pensa de você não é problema seu!

QUINTA-FEIRA: Você vai começar a trabalhar a compaixão – mentalmente, coloque-se no lugar da pessoa complicada e imagine como pode ter sido sua infância, como ela deve ter passado ou está passando por situações que, de alguma forma, têm  afetado seu comportamento.

SEXTA-FEIRA: A partir de agora, você não vai mais julgar, nem reclamar dessa pessoa! Quando alguém falar mal dela, você vai mudar de assunto, cancelando, assim, a maledicência.

SÁBADO: Você vai praticar a paciência, procurando ouvi-la com mais atenção, entendendo a vida pelo ponto de vista dela. Nada melhor do que ouvidos generosos para conquistar as pessoas!

DOMINGO: Depois de tantas habilidades adquiridas, dia de fazer uma gentileza: ofereça a ela uma revista nova, um jornal, ou um café bem gostoso, e a convide para conversar, sem críticas, nem queixas ou condenações.

Certamente, ao final dessa semana, esta convivência conturbada terá melhorado.

Mas lembre-se: esta estratégia não é para mudar o outro, e sim para fortalecer em você suas competências nas relações pessoais, seja com quem for!

 

Eliana Barbosa é life coach, psicoterapeuta, articulista de jornais e de revistas de circulação nacional e internacional, autora de vários livros no campo do autodesenvolvimento,  apresentadora de programas em TV e rádio, e ministra  palestras e cursos transformacionais no Brasil e nos Estados Unidos.

Contato: eliana@elianabarbosa.com.br ou pelo WhatsApp: +55 (34) 99972-4053

 

APRIMORE SUA AUTOESTIMA E, COM ISSO, FORTALEÇA SUA CAPACIDADE DE SE RELACIONAR MELHOR.
CLIQUE E CONFIRA!
PROJETO VOCÊ MELHOR EM 30 DIAS – CURSO ONLINE PARA MULHERES!

CONVIVÊNCIA COM PESSOAS TÓXICAS

 

(Autoria de Eliana Barbosa*)

Em meus atendimentos e até em palestras, é bem comum ser questionada sobre como lidar com pessoas complicadas e pessimistas.

Se esse é um desafio que você enfrenta em seu dia a dia, vivendo um relacionamento tóxico, entenda que uma pessoa é tóxica por causa de seu próprio modo negativo de ser, e daqueles problemas que ela faz questão de cultivar.

Por isso, é importante que você aceite que o comportamento de uma pessoa tóxica, ao seu lado, não tem nada a ver com você. Essa é a natureza dela e ninguém pode mudar ninguém, a não ser a si mesmo.

A sua própria transformação interior pode servir de inspiração para a mudança dos outros, e isso é tudo que você pode fazer.

Na vida, cada um de nós tem que assumir a responsabilidade por nossas próprias ações, mas as pessoas tóxicas não fazem isso.

Elas têm o hábito de transformar as coisas ao redor, de distorcer os fatos, de forma que você se sinta mal, culpado, como se estivesse em falta com elas.

Porém, a partir do momento em que percebe esse “jogo”, você  começa a resgatar seu poder pessoal, reagindo a seu favor, e não se permitindo mais ser afetado por essa toxicidade.

É quando chega a hora do “BASTA!” – Basta desse jogo, basta de engolir acusações, e basta de aceitar críticas e culpas!

E, em nome de sua felicidade, perdoe e esqueça – não no sentido de perder a memória – isso é impossível, a não ser que você sofra um acidente cerebral.

O verdadeiro sentido de “esquecer as ofensas” é deixar de lado essa pessoa que tanto veneno trouxe à sua vida, relegando a ela uma posição de  “desimportância” em sua história!

Só assim você conquistará sua liberdade emocional e a alegria de ser quem você é!

 

Eliana Barbosa é life coach, psicoterapeuta, articulista de jornais e de revistas de circulação nacional e internacional, autora de vários livros no campo do autodesenvolvimento,  apresentadora de programas em TV e rádio, e ministra  palestras e cursos transformacionais no Brasil e nos Estados Unidos.

Contato: eliana@elianabarbosa.com.br ou pelo WhatsApp: +55 (34) 99972-4053

 

 

PERDÃO – O ALICERCE DO SUCESSO

perdão

(Autoria de Eliana Barbosa)

A cada dia que passa, mais compreendo o quanto o perdão é um sentimento libertador.

Todos nós vivemos em busca do sucesso, seja em que área for, e até já sabemos que um dos ingredientes principais para uma vida bem sucedida é a autoestima. Porém, poucas pessoas atentam para a  importância do perdão e também do autoperdão na conquista da vitória, quer pessoal, quer profissional.

A capacidade de perdoar deve ser encarada não só como uma prova de fé e amor, mas, também, como uma prova de inteligência, porque o perdão é capaz de aliviá-lo do peso insuportável do ódio, que não permite que você cresça e prospere na vida.

Eu penso que todos os atendimentos psicoterápicos deveriam ter como base o perdão, porque as neuroses, as doenças, a depressão, os suicídios e todas as misérias materiais ou morais estão intimamente ligados ao ódio que ainda habita o coração da Humanidade.

Sentir ódio é delegar poder àquele que você odeia. O outro passa a mandar na sua vida, ganha a força de manipular os seus passos, porque você fica preso às lembranças desagradáveis do passado e a energia negativa e pesada do rancor não permite que você consiga planejar e realizar os seus sonhos.

Você se torna um escravo do ódio e, pior ainda quando passa a alimentar desejos de vingança. É impossível ao Universo apoiar quem nutre dentro de si pensamentos negros de revolta e revanche.

 Analisando a palavra “mágoa”, percebemos que ela nada mais é do que a palavra “ódio” debaixo de uma maquiagem sutil. E só sentimos ódio de quem, um dia, amamos muito e nos decepcionou, em algum momento.

 Diante disso, procure praticar o autoconhecimento para pesquisar dentro de si este sentimento tão destrutivo – o ódio -,  sem medo de encontrá-lo, muitas vezes, direcionado aos seus pais ou àqueles ligados à sua criação. É preciso encarar com realismo que são as pessoas mais próximas a nós que podem nos causar mais danos, porque nelas depositamos a nossa confiança plena e, muitas vezes, não somos correspondidos.

Então, depois de encarar os seus ódios, com coragem, e entender que as doenças e até as dificuldades financeiras são produto da falta de perdão, o próximo e principal passo é começar a perdoar, praticando exercícios simples que, porém, necessitam da sua persistência, porque “feridas abertas” costumam sangrar, de vez em quando.

Eu vou ensinar, aqui, uma técnica que aprendi, alguns anos atrás, que ensino em meus atendimentos, e é fantástica e transformadora: Durante 21 dias (sem interrupção), escreva em um papel 30 vezes, a cada dia, buscando penetrar em um positivo estado emocional, a seguinte declaração: “Eu declaro que me perdôo e perdôo …(coloque aqui o nome de quem você tem ressentimentos)”.

No começo, você pode sentir dificuldades até de escrever o nome da outra pessoa, tamanho é o poder que ela exerce sobre você, mas com o passar dos dias, você irá se sentir mais confiante e começará a perceber que novas oportunidades surgirão em sua vida, novas amizades construtivas e uma alegria que há muito não sentia. É a prova da libertação que está começando a envolver a sua vida, o seu trabalho e os seus caminhos.

E, a partir daí, com a firme intenção de fortalecer o sentimento de perdão, aprimore o seu gosto pelas leituras positivas, porque um bom livro é uma arma abençoada que você pode usar para enfrentar seus medos, rancores, culpas, enfim, para superar os desafios do mundo e vencer!

Obs. 1: Se você, no processo de 21 dias pular algum dia, se esquecer, por exemplo, você deve iniciar a terapia do perdão desde o primeiro dia, de novo.

Obs. 2: Ao terminar os 21 dias, você vai ler pela última vez as suas declarações, vai respirar fundo e rasgar todos os papeis escritos, queimá-los e jogar as cinzas… Sabe onde??? No vaso sanitário, lugar perfeito para você eliminar, de uma vez por todas, esse lixo emocional que vem há tanto tempo intoxicando sua vida!

Abraços e felicidades,

Eliana

(Psicoterapeuta, coach de relacionamentos, escritora e palestrante no campo do autodesenvolvimento, e apresentadora em TV e rádio) 

CARTAZ CAPTURA