Todos os artigos de Inova Softwares e Tecnologia

COMBATENDO O ESTRESSE DE FINAL DE ANO

 

(Por Eliana Barbosa*)

 

Estamos às vésperas de 2020 e vejo muitas pessoas, principalmente as ansiosas e perfeccionistas,  passando pelo “estresse de final de ano”.

Outras que também se estressam são aquelas indisciplinadas no gerenciamento de seu tempo – quando “acordam”, percebem que mais um ano chegou ao fim e que deixaram de realizar muitas metas, por falta de um planejamento e acompanhamento mais detalhados.

O final de ano representa a hora do acerto consigo mesmo. Se a pessoa é muito perfeccionista, instala-se nela a culpa por não ter realizado todos os seus projetos e ela se estressa por perceber que não tem controle de tudo.

Outro fator que sobrecarrega a tensão de final de ano são as reuniões familiares, que para certas pessoas são aguardadas com muita angústia e até irritação, em casos de famílias com problemas nos relacionamentos.

Percebo também o estresse desencadeado pela pressão do consumismo – dos presentes a comprar, e pela necessidade de se economizar nesta época para se preparar para os impostos e outras despesas, do começo do novo ano.

Tudo isso é muito desgastante, principalmente para quem é inseguro, pessimista, e vive a vida em função de agradar aos outros.

A meu ver, um agravante do estresse é a pessoa querer ser igual a todo mundo e ter dificuldade de dizer “Não!” ou de dizer “Basta!” na hora certa.

E o que fazer, então?

  • O primeiro passo é tomar consciência das pressões que lhe causam tanto estresse e dedicar-se a aliviar a tensão com mais otimismo, assertividade, calma e autocontrole.
  • Esta é a época do ano que mais lhe cobra equilíbrio das emoções, para você fazer um levantamento dos meses vividos, dos acertos e dos erros neste período, e do que você precisa mudar para que as metas não atingidas possam ser viáveis no novo ano.
  • Flexibilidade é fundamental nesse processo! Faça o melhor que puder hoje, agora, porque é de pequenos passos que se faz a caminhada para a vitória!
  • E que o seu projeto maior de vida tenha como princípio a melhora contínua: “Hoje serei melhor do que ontem e amanhã serei melhor do que hoje!”

Boas Festas!!!

(*Eliana Barbosa é psicoterapeuta, life coach, escritora e palestrante no campo do autodesenvolvimento. Contato: eliana@elianabarbosa.com.br ou +55 (34) 9 9972-4053)

 

PSICOPATAS DA VIDA REAL – NÃO SE DEIXE ENGANAR!

PSICOPATA

(Autoria de Eliana Barbosa)*

Por que será que as pessoas imaginam que só em novelas existem os psicopatas inseridos nas famílias, nas empresas, na política, no meio religioso e na vida social?

Penso que,  devido ao nefasto poder que eles têm de destruir quem os desafia ou os incomoda, de modo geral as pessoas temem  aceitar que há sim – e muitos – psicopatas na vida real.

Então, para que você esteja blindado contra envolvimentos com estes “seres”, que de humanos não têm nada, eis aqui 8 importantes orientações:

  1. Não se deixe enganar – Embora totalmente desprovido de emoções, o psicopata, dissimulado ao extremo, frio e calculista, sabe interpretar muito bem todas elas – tristeza, saudade, alegria, mágoa, amor, compaixão, bondade, e tantas outras. Cuidado com quem é muito sedutor, e que só fala aquilo que você quer ouvir. O psicopata é um verdadeiro “lobo em pele de cordeiro”.
  2. Desconfie – Na fase da conquista de sua confiança, o psicopata é um amigo incomparável, um ótimo confidente, gosta de contar seus problemas (geralmente mentiras),  e de se fazer de vítima da vida, para que você, com sua generosidade, se sinta motivado a ajudá-lo.
  3. Investigue – Fique de olhos e ouvidos atentos e pesquise sobre essa pessoa tão envolvente. Procure contatos, faça perguntas, busque seu nome na Internet e, se  possível, com os números de seus documentos, procure a polícia. É bem comum encontrar  processos de estelionato e até de outros crimes ligados a esse indivíduo.
  4. Cuide de sua integridade – Depois que o psicopata consegue sua ajuda – em atos ilegais, ou consome seu dinheiro, sua casa, sua alegria de viver -, ele já não se importa mais em esconder o caráter falso e perverso, e é nesse ponto que, coagido, você começa a aceitar tudo, com medo de retaliações.
  5. Aja com cautela: Se descobrir que convive com um psicopata,  nunca tente desmascará-lo ou dizer que vai denunciá-lo. Sendo alguém sem moral e escrúpulos, ele é capaz de inverter a situação ou mesmo fazer qualquer coisa para silenciar você!
  6. A melhor atitude: Sem ameaças, tome providências legais e se afaste o quanto antes, pedindo proteção às autoridades policiais e à sua família.
  7. Para sua segurança: Como o psicopata não se arrepende de suas atitudes perversas e intrigantes, então, mantenha-se distante dele.
  8. Previna-se: Uma boa forma de se defender de ser ludibriado pelos psicopatas é saber dizer NÃO,  sem se sentir culpado por desagradar. Esse tipo de gente não aceita  ouvir um “não” como resposta, e acaba abandonando as pessoas “difíceis”, em busca daquelas ingênuas. Em caso de dúvida, então, o NÃO é uma boa defesa!

(*Eliana Barbosa é psicoterapeuta, life coach, escritora e palestrante no campo do autodesenvolvimento. Contato: eliana@elianabarbosa.com.br ou +55 (34) 9 9972-4053)

PLANOS PARA O ANO NOVO

 

2014_12_672-META-IMAGENS-MATERIAS-RP-LISTAR-01-01-Site

(Autoria de Eliana Barbosa*)

Reflita comigo: como anda a sua capacidade de planejar – seus dias e sua vida?

  • No trabalho, muitos profissionais são incentivados a fazerem um plano de carreira ou de estudos, metas a serem atingidas, mas, e a vida pessoal, como é que fica?
  • Geralmente, o plano de vida pessoal vai sendo adiado, e fica guardado na mente da pessoa, repleta de “Eu queria isso…”, “Eu queria aquilo…”; e o tempo vai passando e nada acontece. Claro! Primeiro porque a pessoa tem que dizer “Eu quero…”, que é muito mais enfático do que “Eu queria…” e, mais do que ficar dizendo, precisa escrever seus planos pessoais, claramente definidos. Melhor ainda se escrevê-los em forma de agradecimento, com toda a emoção, como se já tivessem acontecido.
  • Você quer saber qual o segredo do sucesso? Pois bem: Ter um plano de vida, no papel! Por que será que tudo o que é importante em nossas vidas seja por escrito (certidão de nascimento, casamento, registro de imóveis etc.) – e o nosso plano de vida, mais importante que tudo isso, fica sem documentação, só vagando pelos pensamentos?
  • Se este é o seu caso, eu acredito que é porque você foi condicionado, desde a infância, a colocar tudo e todos em primeiro lugar e só depois pensar em você. Por isso, a dificuldade em traçar algumas linhas e escrever seus desejos e metas – que nada mais nada menos – são seus sonhos com data para acontecerem.
  • Se você vive a vida como a folha que voa de acordo com o vento, você não consegue ser feliz, porque não tem controle sobre os acontecimentos e sobre você mesmo. Você dá este poder para o mundo externo, para todos ao seu redor, deixa a vida correr e fica perdido e ansioso porque não sabe o que virá pela frente… Percebe o quanto isso é triste para um ser humano? Dá para entender que você não merece viver assim?
  • Se você quer ser bem sucedido e feliz precisa, urgentemente, traçar seu plano de vida pessoal, porque é ele que vai lhe trazer mais segurança e autoconfiança no processo de crescer e aprender a viver melhor. Mas preste atenção: É o seu plano de vida e não o plano de vida que os outros desejam para você!
  • Realmente, não é tarefa fácil planejar sua vida, mas eu garanto a você que os resultados são surpreendentes!
  • Então, o que você está esperando? Chegou a hora de documentar seu plano de vida! Sim, agora!
  • Escreva suas metas (de todas as áreas de sua vida), separadas em curto, médio e longo prazo, e leia-as todos os dias, visualizando-as como se já fossem reais e, cheio de gratidão, veja todos os detalhes de cada cena, ouça os sons e falas das pessoas que estão neste contexto e sinta a emoção da vitória. Escreva também os planos de ação para cada meta.
  • Lembre-se: Pensamentos causam emoções, que geram vibrações, e são estas que, junto à sua ação positiva, criam a realidade.
  • Desejo a você, então, que se permita ter um novo ano pleno de vibrações amorosas e positivas!

 

(* Psicoterapeuta, life coach, palestrante, apresentadora de TV e autora de livros no campo do autodesenvolvimento. Contato: eliana@elianabarbosa.com.br)

ATENDIMENTOS 2

TERMINANDO O ANO COM CHAVE DE OURO

                                                                                             

 Eliana Barbosa*

 

Sei o quanto é corrido esse último mês do ano para todos nós – providências para as festas, estudar com os filhos para as provas finais, preparação do material escolar deles para o novo ano, comprar presentes para a família toda…, e você, a pessoa mais importante de sua vida, acaba se abandonando.

Pois então eu lhe convido, amigo leitor, para algumas reflexões e ações que vão fechar com chave de ouro este ano de 2018. Vamos lá:

  • Não se deixe levar pelo consumismo que move essa época do ano – seja maduro  o suficiente para entender que o melhor presente que você deve oferecer aos outros é companheirismo embalado em gestos de carinho e  alegria contagiante.
  • Ainda é tempo de realizar algumas metas que ficaram esquecidas. Mesmo que sejam pequenas ações, como arrumar armários, organizar seus e-mails, visitar um parente distante, etc.
  • É importante que você se organize e resolva suas pendências, para que comece um novo ano mais leve, sem tantas cobranças em seus pensamentos.
  • Procure fechar o ano sem dívidas. Se você estiver passando por dificuldades financeiras, busque alguém que possa lhe orientar para resolver essa questão.
  • É bom também que você termine o ano sem mágoas no coração. Para isso, comece hoje a exercitar o perdão em relação a você mesmo e a todos aqueles que deixaram marcas tristes em sua vida. Entenda que o perdão é um portal que se abre para o caminho da prosperidade.
  • Assim também, para terminar o ano com a consciência mais leve, peça perdão àqueles que você magoou, com seu coração aberto, mas sem esperar reconhecimento. O importante é a sinceridade de sua atitude.
  • Aproveite essa época de luzes e procure se iluminar também: ame-se mais, pense de forma positiva, cuide com carinho de sua aparência, sorria sempre e disponha-se a colaborar para a felicidade daqueles que o cercam.
  • E, finalmente, entenda que você não pode mudar ninguém, a não ser a si próprio. Então, pare de perder tempo desejando que as pessoas sejam diferentes e faça você mesmo a diferença que busca em sua vida!

Boas Festas!!!

EM RESUMO…

 

FIM DO ANO - CHAVE DE OURO

*Eliana Barbosa é psicoterapeuta, life coach, escritora e palestrante motivacional e apresentadora de  programas em TV e rádio.

COMO CONQUISTAR RECONHECIMENTO NO TRABALHO

(Autoria de Eliana Barbosa*)

 

Muitas pessoas me escrevem perguntando como é possível se manterem motivadas no trabalho sem o devido reconhecimento dos outros.

E a minha primeira resposta é sempre assim: Todo reconhecimento tem que vir de dentro para fora, ou seja, se você não se valoriza ou se acha inferior a todo mundo, jamais será reconhecido por um valor que você mesmo não percebe.

Então, eis aqui 8 dicas para você conquistar o reconhecimento em seu ambiente profissional:

  • Cuide de sua autoimagem –  Quando você se cuida e se aprecia, irradia uma energia de autoconfiança em suas atitudes e escolhas, e será admirado por isso.
  • Não se ofenda com as críticas e aprenda a distinguir aquelas que são invejosas daquelas que são construtivas, e faça bom uso delas.
  • Não se perturbe com as perseguições que você sofre. Veja-as como desafios que vão levá-lo a um melhor desempenho profissional.
  • Em paz com você mesmo, risque de seu dicionário a expressão “não consigo”, porque o impossível só existe até que alguém prove que é possível. Acredite em suas possibilidades!
  • Quando você demonstra insegurança em relação ao seu valor, você passa aos outros a ideia de que aceita qualquer abuso porque quer ser “bonzinho” e aceito por todos.  Este é um grave engano, porque as pessoas que são abusadas vão usar de sua generosidade, mas jamais irão valorizá-lo pelo que você é!
  • Se você quiser ser bem tratado por todos, seja justo, solidário, participativo e generoso, mas não seja “bonzinho”, porque “bonzinho”, na linguagem dos “folgados”,  é sinônimo de “bobinho”.
  • Entenda que você é muito importante! Você é uma pessoa única e especial!
  • E guarde bem: Nada de depender dos outros, porque toda mudança e reconhecimento só podem começar por você!
*Eliana Barbosa é psicoterapeuta, life coach, palestrante e escritora no campo do autodesenvolvimento, e apresentadora em TV e rádio - Contato: eliana@elianabarbosa.com.br

 

 

PODEROSAS E FELIZES

 

Imagem3

(Autoria de Eliana Barbosa*)

Em homenagem a todas nós – MULHERES – quero ter um papo com você,  DE MULHER PARA MULHER!

Vou deixar aqui algumas DICAS VALIOSAS para que você realmente descubra a pessoa maravilhosa que é, valorize-se por isso e seja mais feliz:

  • Abasteça-se com o seu próprio amor, ou seja, ame-se e cuide-se mais.
  • Não  mendigue elogios e amor de outras pessoas, porque isso demonstra insegurança.
  • Pare de aguardar a gratidão das pessoas. Isso é perda de tempo e poderá lhe trazer desgostos.
  • Entenda a natureza de cada um e não queira mudar ninguém. Se alguém a incomoda, então, mude você!
  • Quando se sente bem com você mesma, você fica mais dedicada às pessoas, mais generosa e companheira, porém se recusa a ser “boazinha”. Querer se mostrar perfeita e “boazinha” é o caminho mais curto para a decepção.
  • Mesmo que, no momento, você não se sinta tão bela quanto gostaria, fortaleça sua autoconfiança e tome atitudes no sentido de se melhorar fisicamente, mentalmente e espiritualmente.
  • A beleza é um todo e se esse todo – corpo, mente e alma –  estiver em harmonia, você criará em torno de si uma aura de encantamento que será como um imã para relacionamentos mais saudáveis.
  • Seja mais sensata nas escolhas afetivas. Faça um teste, com duas importantes perguntas: “Ele mente para os outros?”, “Ele  se aborrece quando eu digo “não” para ele?” Se as respostas forem afirmativas, é sinal de que ele também mentirá para você e de que ele não respeita sua posição. Fique atenta e lembre-se de que você merece respeito.
  • Se em sua infância você presenciou conflitos familiares, esse padrão pode se romper agora, se você decidir mudar suas crenças limitantes a respeito da vida e se livrar das mágoas e culpas do passado.
  • Perdoar não quer dizer aceitar os erros do outro, e sim, parar de permitir que quem a  magoou seja o personagem principal da história que você está vivendo. Perdoar é se prevenir das doenças e das dificuldades financeiras, portanto, mais do que depressa, seja inteligente e disponha-se a perdoar!
  • E, finalizando as dicas de hoje, transforme-se em sua melhor companhia, para que você não precise se submeter  aos caprichos dos outros, por medo da solidão.
E, se mesmo com estas dicas, você ainda se sente frágil, precisando melhorar sua autoestima e autoconfiança, e aprender a se relacionar de forma saudável e positiva, então EU TE CONVIDO: VENHA COMIGO PARTICIPAR DO CURSO “PODEROSAS E FELIZES”, QUE VAI, DEFINITIVAMENTE, MUDAR A SUA PERCEPÇÃO DE SI MESMA E TRANSFORMAR SUA VIDA PRA MUITO MELHOR!!! 

BANNER 2  DO CURSO PARA MULHERES 2016

CLIQUE AQUI OU NA IMAGEM ACIMA PARA SABER TUDO SOBRE ESTE CURSO 

 

(*Eliana Barbosa é psicoterapeuta, life coach, escritora e palestrante no campo do autodesenvolvimento e apresentadora em TV e rádio)